sexta-feira, julho 28, 2006

MEU CORAÇÃO

Meu coração, resto de incêncios
não obedece a compêndios
e apesar de tudo o que viveu
não usa anel
de bacharel
nem aceita título
de doutor
em amor,
pelo que sofreu!
Gosta apenas de falar
de dissertar
sobre a essência
da vida
e diz a qualquer
audiência
que o saber mais profundo
é o acto de amar
no sentido mais lato da expressão!
Amar
dando-se por inteiro
como lume que passou
e deixou braseiro
onde se cozinha
o sentimento!
Amar só por amar
sem ressentimento
sem secretismo de gruta
sem vanglória
sem disputa
e até mesmo sem memória...
Amar o todo
e sua história
de vida, vinda do nada...
Amar o ocaso, a alvorada
o estertor do sofrimento
e do nascer o momento
e a alegria e a dor;
Amar a tarde tranquila
amar o dia que parte
amar toda, toda a arte
na beleza sem limite
amar a quem acredite
que o mundo será melhor
e por conta desse amor
todo o ser pode mudar...
Tanta vez, de amar exausto
deixa o fausto da alegria
e hiberna, dentro do peito...
e fica triste, calado
às vezes acabrunhado
por tanta incompreensão!
Mas se ouve voz amiga
ecoando lá no fundo
deixa a sua prostração
acaba a hibernação
e a gritar libertação
põe-se em marcha
e enfrenta o mundo!...

Maria Mamede

10 Comments:

Blogger Teresa David said...

Sempre gostei de hinos de liberdade e este poema é-o sem dúvida.
Aproveito para agradecer a sua visita á minha exposição que já saiu do buraco escuro como poderá ver nas notícias que publiquei no meu blog.
Um abraço solidário e amigo
Teresa David

11:01 da tarde  
Blogger Licínia Quitério said...

Para quando mais? Deixas-me sempre água na boca.
Beijinho.
Licínia

11:46 da manhã  
Blogger Isa&Luis said...

Olá,

Lindo o teu sentir, ouve essa voz amiga, e deixa a tua alma voar.


Beijinhos

Isa

8:14 da tarde  
Blogger Menina_marota said...

Deixei mensagem no XANGRILAH.

Se puderes, vai lá ler...

Beijo meu. Espero que estejas bem ;)

2:47 da tarde  
Blogger lboy said...

mt bonito este blog .. gostei

3:05 da manhã  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Amigas e Amigos,
enfim, acabo de chegar a esta minha/vossa casa...
Antes, durante e depois da mudança, tudo tem sido demasiado difícil, pois também mudei de operadora, o caos....
Breve, breve, estarei em forma e capaz de vos visitar.
Até lá, beijos de agradecimento pela vossa passagem carinhosa e até daqui a pouco.
Maria mamede

12:27 da manhã  
Blogger alfazema said...

Um poema muito bonito. É a primeira vez que por aqui passo e fiquei extasiada. Um coração amigo, solidário, presente.
Um beijo

7:53 da tarde  
Blogger Poesia Portuguesa said...

Continuas a não actualizar este blog.
Espero que não te importes que tenha levado um poema "emprestado". Algum inconveniente diz, que será de imediato retirado.
Um abraço carinhoso e fica bem ;)

10:43 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Enjoyed a lot! Kansas fort scott beach camping buy online Hummer don't Dress well god is watching you Commandry jacket http://www.2003-kia-sorento.info/smart-tire-monitoring-system.html ebony tranny pictures can combination of prozac and flexeril cause loss Book shelves speaker Sidekick suzuki lift kits Historical douglas sherman 26 mcconnell drug store Cruise fort key myers west Cheapest line meridia Milf space thumbs Suzuki gsxr leathers Coffee maker single cup Free samples topamax culinary school Dale martens nissan does zyrtec make you sensitive to light Used land rover sales

12:03 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Best regards from NY! neurontin Hobo international fabric handbags Blonde jpegs perfect boobs Porsche racing video Partitioning harddrive internet software http://www.1993-isuzu-rodeo-transmission-computer.info Cialis cialis generic cialis discountcilias-online Bmw ashtray 330 ci

3:55 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home