sexta-feira, fevereiro 03, 2006

NAS ASAS DO MISTÉRIO

Nas asas do mistério
E nos harpejos
De liras divinais
Eu procuro beijos
Aos teus
Iguais...

Na fímbria do manto
Da quimera
Na orla da dor
Eu deposito a espera
E o pranto
Do amor...

E na certeza da vida
Que vier
Enquanto a hora
Não chegar
Eu vou por aí fora
Viver
Eu vou vida fora
Amar!...


Maria Mamede

6 Comments:

Blogger wind said...

O amor dito de uma maneira tão linda:) Quem o faz assim de certeza que sabe o que é o verdadeiro amor;) beijos

3:29 da tarde  
Blogger AS said...

Palavras para quê? Lindissimo poema!...

Um abraço

5:29 da tarde  
Blogger ☆Fanny☆ said...

Nas asas do mistério...eu procuro beijos aos teus iguais...

Que lindo!

O teu versejar encanta-me.

Beijinho e um sorriso*

Fanny

12:46 da manhã  
Blogger lique said...

E a vida só vale a pena assim! :)
Beijinhos, amiga!

12:25 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá minhas queridas meninas!
Agradeço a vossa visita e deixo-vos
um beijo em forma de Flor.


Maria Mamede

11:58 da manhã  
Blogger De Amor e de Terra said...

...AH! é verdade agradeço tambem ao Frog e peço desculpa por não o ter feito na mensagem anterior.
Distraída como sempre...
Beijo

Maria Mamede

12:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home