segunda-feira, janeiro 07, 2008

S/TÍTULO ("No Cais do Tempo")

Há dias
em que a taça transborda de tão plena
em que a cruz e a pena
deixam o descanso
e o remanso
finda...
há dias em que a estrada
é linda
cheia de luz
e o rio e o mar
de tão serenos
são amores
amenos
ao luar
que finda!...


Maria Mamede

41 Comments:

Blogger a.filoxera said...

E há dias em que a tua poesia nos surpreende aqui, quando vimos, pouco crentes, espreitar se há novas inspirações. Ainda bem!
Beijos.

5:59 da tarde  
Blogger Tiago' said...

Muito boa noite!!
Em primeiro lugar, não seis e já percebeste a seguinte coisa: eu sou o Tiago normal e dentro de mim há uma outra personalidade que é o tiago incontornável, entendes? Aquele blog é como se fosse um universo à parte... :)

Gostei do poema! Continua!!
Tiago'

6:27 da tarde  
Blogger RV said...

Um bem haja.

E como são regeneradores esses dias, onde até a alma parece que vive num outro lugar.

6:31 da tarde  
Blogger FERNANDA & POEMAS said...

Olá Minha querida amiga Maria Mamede, as tuas palavras Flutuam na minha alma e fico com o coração mais leve.
Beijihos

Fernandinha

7:40 da tarde  
Blogger Maria Luar said...

Que este ano a poesia seja uma taça plena de amor. No cais do tempo, aguardamos um ano de poemas.

Abraço

10:02 da tarde  
Blogger Belisa said...

Olá :)

Meu coração sorri
Chegando a esta casa
Sempre que venho aqui
Leio poemas em brasa...

Muitos beijinhos estrelados

10:28 da tarde  
Blogger Maria said...

E há dias em que há coincidências....
... tenho escrito um texto sobre caminhar numa estrada, mas optei por não o publicar hoje pois tenho que ir procurar uma fotografia....

Gosto dos teus amores amenos do rio e do mar ao luar...

Beijo, Maria Mamede

2:19 da manhã  
Blogger Carminda Pinho said...

Há dias belos, assim.
Ainda bem que por aqui passei, hoje.

Beijinhos

5:01 da manhã  
Blogger O Profeta said...

Há dias feleizes em que nos deparamos com textos de tão rara beleza...


Doce beijo

3:55 da tarde  
Blogger Lufos said...

Mais uma belissima poesia de Maria para a humanidade! Lindo lindo lindo....Má, to com post novo e precisando de apoio, te espero por lá, bjos....

Ah, deu um probleminha nas configurações do blog e sumiu os links dos blogsd amigos, mais logo logo o seu estará por lá novamente...

7:31 da tarde  
Blogger MADRUGADA... said...

As suas palavras têm o poder da embriagues.

São de uma evidência que me encanta, pela voluptuosidade não lhe guardar segredo.

Terno beijo.

10:45 da manhã  
Blogger Meg said...

Querida Maria Mamede,

E há outros dias em tudo se passa ao contrário... a estrada é sombria, o mar alteroso, os amores são tórridos e tumultuosos...
E é um desatino!!!

Um grande abraço

4:42 da tarde  
Blogger Graça Pires said...

Há dias assim... em que apetece ser feliz.
Um beijo.

7:04 da tarde  
Blogger Victor Nogueira said...

Olá
Bom dia, boa tarde ou boa noite. Resumindo: Boa disposição
VM

2:53 da manhã  
Blogger samuel said...

Se houvesse mais!...
Mas amemos os que há como se não houvesse mais dias...

4:54 da tarde  
Blogger Maria Faia said...

Querida Amiga,

Que os teus dis sejam sempre "amores
amenos
ao luar
que finda!..."

Obrigado pela beleza que connosco partilhas.

Um beijo amigo, com votos de semana feliz,

Maria Faia

9:09 da tarde  
Blogger Bichodeconta said...

E NÃO HÁ DIAS, PORQUE SEMPRE FICO EMBEVECIDA COM A TUA POESIA..PARABÉNS, UM BEIJINHO..

2:18 da tarde  
Blogger Lumife said...

Merecido prémio te dediquei no "BEJA". Agradeço que passes por lá e o levantes.

Beijos

12:46 da manhã  
Blogger Sophiamar said...

De cada vez que te leio, descubro um poema lindíssimo. A poesia é mesmo o oxigénio que te alimenta e encontramo-la em cada poro do teu corpo, no sangue do capilar mais fino.
Minha doce poeta, deixo-te beijinhos e o desejo de que este ano saia mais um livro de poemas.

Bom ano!

6:34 da manhã  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá minha querida A.Filoxera, boa tarde.
Ainda bem que contiuo a ser capaz de te surpreender Amiga; acho que isso será de bom presságio!
Continuo um pouco ausente, enredada em pequenas viagens necessárias e vou aparecendo somente de vez em quando. Mas tudo vai bem...a vida segue sempre o seu curso.
Beijo

Maria Mamede

12:51 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Tiago, boa tarde.
Entendi; já tinha entendido antes...
Divisões interiores, ou eterónimos ou outras identidades ou personalidades, como se queira chamar, muitos de nós as possuem, não és portanto caso único!
Quando me dirijo, no entanto, é sempre a ti, uma vez que o responsável pela escrita e por a fazer "vir a lume" és tu, isto em meu entender, evidentemente.
Gostei do que li no teu Blog e por isso me manifestei, embora com muito atraso que peço me releves.
Um abraço

Maria Mamede

12:56 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

rv boa tarde e obrigada pela passagem e pela mensagem.

Abraço

Maria Mamede

12:57 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Fernandinha, boa tarde.

Obrigada pelas palavras.

Um beijo enorme


Maria Mamede

12:57 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Maria Luar!
Obrigada pela visita e que 2008 te seja de vida FELIZ!!!

Beijo

Maria Mamede

1:00 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Que essas palavras tuas
sejam de fogo e de vento
e que possamos as duas
viver o ano a contento!...


Um beijo Belisa e a Amizade da

Maria Mamede

1:05 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Minha querida Maria

espero que consigas um Ano cheio de Amor e Poesia.

Beijo da

Maria Mamede

1:06 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Carminda, boa tarde.
Obrigada pela passagem e pelas palavras.

Que goste sempre de aqui vir!

Beijo

Maria Mamede

1:07 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Ao Profeta, pela doçura dos seus comentários...

Beleza tem o sentir
que cada um a seu jeito
oferece, d'alma a sorrir
o amor que tem no peito!...

Beijo

Maria Mamede

1:14 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá LUfos, boa tarde!
Peço desculpas pelo atraso na resposta; tenho andado muito fugida...
Mas sempre que posso, cá venho para tentar por em dia os comentários e as visitas.

Beijos

Maria Mamede

1:16 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Embriaga a Madrugada
quando chega sempre luz
pois traz a lua espelhada
nos olhar, com que seduz!..


Beijo

Maria Mamede

1:22 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Minha querida Meg,

assim é Amiga, assim é!!!

E vivamos intensamente a oportunidade de Amar, seja qual for a intensidade e a duração, porque ser feliz é sempre tão breve...

Beijos Amiga

Maria Mamede

1:24 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Graça, boa tarde.

Então, seja FELIZ Amiga, enquanto a vida deixa!
E que essa felicidade deixe rasto para alegrar o tempo em que a não vindima!

Beijo

Maria Mamede

1:26 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Meu querido Amigo Victor,
perdoa andar tão ausente; voltarei sempre que possível.

Beijos

Maria Mamede

1:26 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Concordo plenamente!
Abracemos o sol do instante que corre, como se fosse eterno em nossas vidas!


Bj

Maria Mamede

1:30 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Maria Faia, boa tarde Amiga!

É claro que nem sempre os amores são assim; mas vivamos o instante!!!o futuro é tão longe, mesmo que seja amanhã!...

Beijos

Maria Mamede

1:32 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Minha querida Ell, boa tarde!
Obrigada Amiga pela visita e pelas palavras doces.

Beijos e votos de Azul e Sol

Maria Mamede

1:33 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Amigo Lumife, boa tarde.
Obrigada pelo prémio!
Irei ver sim, com todo o gosto.
Um beijo da

Maria Mamede

1:35 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Minha querida Isabelinha, boa tarde!
Tenho andado fugida minha linda, mas de vez em quando aqui volto.
Obrigada Amiga pelas tuas doces palavras.
Também faço votos que o teu ano seja de LUZ e PAZ.

Beijos

Maria Mamede

1:37 da tarde  
Blogger FERNANDA & POEMAS said...

Olá Minha querida Maria Mamede, passei para deixar-te um beijinho de muito carinho.
Fernandinha

6:02 da tarde  
Blogger Meg said...

Maria Mamede
Depois de uma breve ausência, vim à procura de mais palavras, daquelas que nos servem de alimento para a alma. Reli com o mesmo prazer de sempre.

Beijinhos

7:26 da tarde  
Blogger Gerlane said...

Lindo, lindo! Pura poesia!

Beijos!

7:48 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home