quinta-feira, junho 12, 2008

TRANSMIGRAÇÃO

(S/tela do Pintor Aveirense e Amigo CARLOS SOUTO)



Levanta-se o Ser, já sem roupagem;
a aura somente é vestuário
e alva, luz e sombra, sem sudário
caminha para a ultima viagem...

ergue-se e vê uma senda imensa
candeia alumiando novo trilho
que como estrela de enorme brilho
não é possível fixar, de tão intensa...

um passo, outro passo e vai seguindo
nessa branca claridade transcendente
e deixando para trás a dor sofrida;

transfigurado agora, vai subindo
um trilho estrelado e de repente
é de eternidade a sua vida!...

Maria Mamede

25 Comments:

Blogger Paula Raposo said...

Belo o teu poema. Beijos.

2:29 da tarde  
Blogger Estrela do Sul said...

Lindo. E bem origina. Nunca tinha lido a Morte descrita de um modo tao romantico.

Ouvimos falar que amigos...
são presentes de Deus.
Eu não tenho a menor dúvida
dessa realidade.
Em alguns momentos de nossas
vidas uma mensagem de um amigo
cai como bálsamo em nossos corações.
Agradeço a Deus pela sua vida, que hoje
faz parte da minha vida.

Um lindo fim de semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com

1:47 da manhã  
Blogger Graça Pires said...

"transfigurado agora, vai subindo
um trilho estrelado e de repente
é de eternidade a sua vida!..."
Um soneto excelente. Um beijo.

4:14 da tarde  
Blogger tulipa said...

*´¨)
¸.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
(¸.•` (¸.•` ¤ *
Passo para desejar um óptimo domingo e inicio de semana...beijinhos
*.•´¸.•*´¨) ¸.•*

2:20 da manhã  
Blogger Filoxera said...

Que bom, o teu regresso!
Beijos.

5:06 da tarde  
Blogger Maria said...

Que bonito o teu soneto....
Obrigada, Maria Mamede

Beijos

6:26 da tarde  
Blogger lena said...

um soneto tão belo!

mesmo em passos sofridos é carregado de intensos sentimentos,

gosto muito de a ler Maria Mamede

um doce beijo e o meu abraço carregado de ternura

lena

9:25 da tarde  
Blogger Maria Faia said...

Querida Amiga Maria Mamede,

É sublime a forma como, peticamente, entendes a passagem para "a outra margem".

Um grande beijo amigo, cheio de SOL e ALEGRIA para ti,

Maria Faia

6:04 da tarde  
Blogger leonor costa said...

Nesta Transmigração vejo algo que se pode associar à morte de Jesus, deixando a dor sofrida, passando à eternidade.

Bom fim de semana.

Bjs.

HOJE E AMANHÃ

7:42 da manhã  
Blogger Bichodeconta said...

forma inteligente e bonita de descdrever a morte.. Coisa tão certa, e apesar de tudo tão dolorosa... Um beijinho, ell

1:49 da tarde  
Blogger Lunna Montez'zinny said...

"um passo e outro passo vai seguindo"
A primeira vez que venho a seu blog e me deparo com esta singularidade poética. Permita-me cumprimentá-la por me permitir esse presente. Grazie.

Meu blog. Acqua

8:53 da tarde  
Anonymous Mario Rodrigues said...

“Para você o carinho...
da minha amizade”

Um lindo fim de semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

Em espaço de partilha:
http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com

2:42 da manhã  
Blogger Alexandre said...

Trilhos estrelados por vezes indicam a última viagem, mas tal como um céu estrelado os caminhos podem ser diversos... há que seguir os trilhos da intuição, esses podem não ser os mais seguros mas são com certeza que nos permitem VIVER!!!

Muitos beijinhos!!!

4:36 da tarde  
Blogger meg said...

Maria,

Não, este poema é triste, muito triste mesmo.
Estou afogada em trabalho mas
a tua ausência preocupa-me.
Espero que estejas bem e fico na expectativa de saber de ti.

Beijinhos

12:18 da tarde  
Blogger Inês Faro said...

Como as palavras podem criar algo tão belo... Espectacular a forma como escreve. Acho os seus poemas muito originais e têm um toque pessoal muito distinto. Continue assim.
Bjs da Inês

4:34 da tarde  
Blogger Lumife said...

Tomei a liberdade de colocar no "Beja-Dando voz aos Poetas" dois trabalhos de sua autoria. Espero não leve a mal não ter solicitado autorização prévia.

Bjs

5:26 da tarde  
Blogger jorge vicente said...

é de eternidade a tua poesia

um abraço
jorge vicente

12:05 da tarde  
Blogger Crystal said...

Chegada pela primeira vez a estes recantos de amor e de terra, saio rendida pela beleza da poesia pura que me lembra Florbela...(Espero que aceite isto como o maior elogio que lhe sei fazer). Adorei!

12:16 da manhã  
Blogger Borboletinha Lilás said...

A quanto tempo nao venho aqui, e se for ao meu blog terá uma surpresa, o nome que me chamavas hoje passa a ser o nome do blog.

Infelizmente, por razões pessoais, precisei mudar o dominio do meu blog. És uma pessoa importante para mim, por isso vim lhe deixar meu novo link, e gostaria muito de continuar contanto com tuas visitas. Quando o visitar, saberá a quem pertence.
Um grande beijo e aproveito para lhe desejar uma ótima semana.

Borboletinha Lilás

www.borboletinhalilas.blogspot.com

Obrigada pelo carinho e pela amizade.

2:47 da manhã  
Blogger Borboletinha Lilás said...

A quanto tempo nao venho aqui, e se for ao meu blog terá uma surpresa, o nome que me chamavas hoje passa a ser o nome do blog.

Infelizmente, por razões pessoais, precisei mudar o dominio do meu blog. És uma pessoa importante para mim, por isso vim lhe deixar meu novo link, e gostaria muito de continuar contanto com tuas visitas. Quando o visitar, saberá a quem pertence.
Um grande beijo e aproveito para lhe desejar uma ótima semana.

Borboletinha Lilás

www.borboletinhalilas.blogspot.com

Obrigada pelo carinho e pela amizade.

2:48 da manhã  
Blogger Maria said...

Tive saudades de te ler...
Está tudo bem contigo?

Um beijo, Maria Mamede

5:42 da tarde  
Blogger tulipa said...

MARIA MAMEDE
Aqui deixo umas palavras escritas por mim, embalada pela paixão:

Foi em Junho que descobri
O quanto era bom
estar na tua companhia
Sentir o teu carinho
Aquele lanche jamais imaginado
Cerejas numa taça d'água gelada
oferecidas em bandeja de sensualidade, tuas mãos
os meus lábios,
o toque excitava-me.
E deixa-me dizer-te
Foste único, foste especial.
Partiste sem avisar
Na tua companhia descobri
o sabor das ondas nos teus olhos
Aquele mar que nos espreitava
Cúmplice nos segredava
"Sejam felizes
O vosso amor é lindo".
Sonho porque te quero sonhar.

Posso deixar-lhe um abraço bem apertadinho, posso?

Nota:espero que não fique constrangida com as palavras, já recebi palavras caluniosas de alguém que achou mal...

2:11 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Boa poesia. Deve dar prazer escrever assim, e depois..ler!

7:24 da tarde  
Anonymous Alcaide said...

Gosto muito...

7:26 da tarde  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Amigos/as, boa tarde!
Venho agradecer os comentários que têm tido a amabilidade de deixar e dizer-vos, que apesar da minha ausência, sempre que me é possível, aqui estou.
À Maria Faia, à Borboletinha Lilás, ao Alcaide e a um comentador anónimo, cujos Blogs não consigo contactar, agradeço de coração as bonitas palavras que aqui deixaram, e envio abraços e o meu até breve.
Maria Mamede

2:38 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home